Resenhas
Comment 1

O milagre da manhã: guia de desenvolvimento pessoal completo

Um cara chamado Hal Elrod, autor de “O Milagre da Manhã”, garantiu que, por meio de hábitos matinais a serem praticados na primeira hora do nosso dia, seria possível transformar a nossa realidade, de modo a atingirmos nosso maior potencial (e excedê-lo) em todas as áreas de nossa vida.

É, eu sei (e ele sabe também), é uma promessa bastante ousada. No entanto, eu e outras milhares de pessoas podemos garantir que ela é verdadeira – desde que você realmente se comprometa com a proposta.

Calma que eu vou explicar tudo – tudo mesmo.

Uma das grandes questões abordadas no livro referido, é este enunciado de Jim Rohn:

“Seu nível de sucesso raramente excederá seu nível de desenvolvimento pessoal, pois o sucesso é algo que você atrai pela pessoa que se torna”

Partindo dessa tese, Hal Elrod compreendeu que, para ser uma pessoa nível 10 em todos os aspectos da vida (emocional, profissional, físico, etc.), você precisa atingir nível 10 no seu desenvolvimento pessoal, ou seja: é necessário desenvolver um equilíbrio entre corpo, mente e emoção, e capacitar-se em cada uma dessas áreas.

Para tornar isso possível, o autor desenvolveu uma técnica (de apenas uma hora de duração) que intitulou de “O milagre da manhã”, composta por práticas encarregadas de otimizar o seu desenvolvimento pessoal – e eu fiz esse guia para desmistificar essa rotina de um jeito simples, prático e rápido.

O QUE É O MILAGRE DA MANHÃ?

Basicamente – e sem delongas -, o assim chamado “milagre da manhã” nada mais é do que uma rotina matinal, que é constituída por 6 atividades: silêncio, afirmações, visualização, leitura, escrita e exercício físico. Tudo isso pode ser feito em apenas uma hora (mas, se você desejar, pode estender o tempo das atividades).

O livro sugere que você comece o seu dia às 5 da manhã. É possível que você comece mais tarde, se assim desejar, mas eu posso te dar 5 motivos para você acordar às 5.

O QUE SEUS HÁBITOS MATINAIS PODEM DIZER SOBRE VOCÊ?

Segundo o livro, a sua rotina matinal (ou falta dela) afeta dramaticamente os níveis de sucesso em cada área de nossas vidas.

“Manhãs organizadas e produtivas geram dias organizados, produtivos e de sucesso — o que, inevitavelmente, cria uma existência de sucesso —, da mesma maneira que manhãs desorganizadas, improdutivas e medíocres geram dias desorganizados, improdutivos e medíocres, e, finalmente, uma qualidade de vida medíocre. Ao mudar a maneira como desperta de manhã, você pode transformar qualquer área de sua vida mais rápido do que jamais imaginou ser possível”

Além disso, como já expliquei neste post, as primeiras horas do dia são determinantes: se você é preguiçoso ou casual já nas primeiras horas do seu dia, a tendência é que você tenha um dia preguiçoso e desconcentrado. No entanto, se você se esforça para que essas horas sejam produtivas, o resto do dia tende a fluir dessa mesma maneira.

“Para que você pare de se contentar com menos do que merece — em qualquer área da vida — e para criar os níveis de sucesso pessoal, profissional e financeiro que deseja, deve, primeiro, dedicar tempo, todos os dias, a se tornar a pessoa que precisa ser, que seja qualificada e capaz de atrair, criar e sustentar consistentemente os níveis de sucesso que pretende alcançar”

A chave aqui é assumir responsabilidade pelo modo como você leva e o modo como você quer levar a vida, porque o autor bem esclarece que o grau em que você assume responsabilidade por tudo em sua vida, é precisamente o mesmo grau de poder pessoal necessário para mudar aquilo que você quer mudar.

COMO RESISTIR AO BOTÃO SONECA (E TORNAR ISSO UM HÁBITO)

Ouço muitas pessoas falando – e, até pouco tempo atrás eu era uma dessas pessoas -, que rendem mais à noite, ou de madrugada; que acordar cedo é horrível e que não conseguem resistir à opção “soneca”, quando o despertador começa a apitar.

A verdade é que, enquanto você repetir isso para si mesmo, acordar cedo vai continuar sendo um pesadelo – e não há muito o que eu ou qualquer pessoa possa fazer a respeito, já que abandonar esse padrão comportamental depende só de você.

Então eu vou listar aqui 4 dicas, baseadas na minha experiência pessoal, para que o despertar, logo cedo, se torne inevitável e, para além disso, um hábito:

  1. Deixe o seu celular longe da cama, assim você vai se obrigar a sair dela para desligar o despertador e, estando desperto pelo movimento, não vai apertar o soneca inconscientemente como faz quando dorme com o celular próximo a você;
  2. Assim que levantar para desligar o despertador, beba um copo de água (ele pode trazer tantos benefícios que posso fazer um post somente sobre isso);
  3. Lave o rosto e escove os dentes (é sério, apenas faça);
  4. Antes de dormir, afirme para si mesmo que, no dia seguinte, você vai acordar com facilidade e disposição (também pretendo fazer um post somente sobre afirmações).

Por fim, tenha em mente que, embora amplamente difundida a ideia de que nosso corpo e mente precisam de 21 dias para que uma ação se torne um hábito, Hal Elrod recomenda que você persista durante 30 dias, porque os 9 dias restantes, segundo ele, serão responsáveis pela sua real adaptação à nova rotina.

RESULTADOS REAIS

A rotina matinal que estou prestes a apresentar para você é capaz de promover transformações profundas – sem exageros. Elrod lista uma série de benefícios promovidos pela prática do Milagre da Manhã, e, como praticante, venho reafirmá-los:

  • Despertar todo dia com mais energia, dotado da estrutura e estratégia para começar a expandir seu potencial.
  • Reduzir o estresse.
  • Obter clareza para superar rapidamente qualquer desafio, adversidade ou crenças limitante que têm detido você.
  • Melhorar sua saúde geral, perder peso (se desejado) e ficar na sua melhor forma.
  • Aumentar a produtividade e expandir sua capacidade de manter uma concentração de lazer em suas principais prioridades.
  • Experimentar mais gratidão e menos preocupação.
  • Aumentar significativamente a capacidade de ganhar e atrair mais riqueza monetária.
  • Descobrir o propósito de sua vida e começar a vivê-lo.
  • Parar de se contentar com menos do que realmente deseja e merece (em qualquer área de sua existência) e começar a viver de acordo com sua visão para a vida mais extraordinária que pode imaginar.

São bastantes os resultados possíveis (e prováveis, e reais), certo? Tudo o que preciso dizer aqui é: você só não está vivendo esses resultados, ainda, porque não está se permitindo. Sinta-se instigado!

O MILAGRE DA MANHÃ: PASSO-A-PASSO

Sentindo-se instigado a aprimorar sua rotina e seu desenvolvimento pessoal? Vou presumir que a resposta seja positiva – afinal, quem escolheria não melhorar?

Desenvolvi um passo-a-passo simples e sem rodeios, que você pode visitar e revisitar sempre que quiser. Ao final do texto, você encontrará sugestões de como organizar o tempo para a prática de cada passo. Além disso, já deixo registrado que vou desenvolver um post específico sobre cada um dos passos. Dito isso, vamos ao que interessa:

Passo 1 – Silêncio:

É muito provável que você já saiba que é no silêncio que encontramos respostas e que, estas, por sua vez, estão todas contidas em nosso interior. Esse não é apenas mais um clichê que circula pela internet. Dedicar alguns momentos de silêncio ao nosso dia é tão importante quanto beber água – da mesma forma que a água hidrata, o silêncio revigora.

Elrod elenca 5 práticas que ele mesmo executa em seus momentos de silêncio: meditação, oração, reflexão, respiração profunda e gratidão. Você pode criar o seu momento de silêncio da forma que preferir, embora eu seriamente recomende a meditação. Conforme o autor:

“Estudos vinculam a meditação regular a mudanças no metabolismo, na pressão sanguínea, na ativação cerebral e em outras funções mentais e corporais. Ela pode aliviar o estresse e a dor, melhorar o sono, o foco e a concentração e até aumentar a expectativa de vida.”

Você pode combinar várias práticas, desde que, por meio delas, seja possível apreciar o silêncio e, sobretudo, o momento presente. O tempo de duração dessa atividade também é de sua escolha (5, 10, 15, 20 minutos…). Eu dedico 30 minutos da minha manhã ao silêncio: estendo um tapete no chão, escoro as costas em uma parede (com uma almofada) e medito por cerca de 20 minutos; nos dez minutos restantes, converso com Deus ou comigo, peço motivação quando me sinto ociosa, amparo quando me sinto sozinha, sabedoria quando preciso tomar decisões.

Passo 2 – Afirmações:

“Se você pensa que pode ou se pensa que não pode, você está certo de qualquer maneira.” – Henry Ford

E não fazia ideia do poder que as afirmações positivas têm, tampouco do valor que elas acrescentam à vida, até que comecei a usá-las. Desde que passei a afirmar, com convicção, que sou capaz de desempenhar todas as minhas tarefas (e fazer ainda mais), a produtividade, a desenvoltura e a satisfação em fazer o que faço se tornaram realidade.

Contudo, não se engane: lançar palavras positivas ao vento, sem sentir dentro de si que elas são verdadeiras e possíveis, não trará resultado algum. Portanto, dedique-se a esse momento com emoção. Crie frases que você pretende transformar em realidade.

“Você pode usar afirmações e começar a se programar para ser confiante e ter sucesso em tudo o que faz apenas dizendo repetidas vezes quem você quer ser, o que deseja conquistar e como vai conquistar isso.”

Como criar uma afirmações poderosas?

  1. Escreva: minha primeira dica é que você anote o que quer afirmar, assim poderá visualizar as palavras e desenvolver melhor sua afirmação. Escrever as afirmações nos permite programar as condições e o estado mental desejados, assim podemos rever o que estamos afirmando, e reescrever quando necessário.
  2. Tenha foco: diga exatamente o que você quer ser, ou o que deseja atingir (ou ambos!), sem rodeios e sem pessimismo. Se o seu objetivo é perder peso, por exemplo, afirme quantos quilos quer perder; se pretende ser promovido, diga que posição quer ocupar; se está visando um bem material, diga o que quer obter. Construa um objetivo centrado.
  3. Estabeleça os meios e ações necessárias: é muito importante que você esteja ciente de que, para atingir seus objetivos, você necessariamente vai ter que adotar novas condutas. Diga, na sua afirmação, que ações vai realizar a fim de que aquilo que você quer se torne possível; comprometa-se com essa afirmação. Caso tenha em mente uma compra de grande valor, como um carro, elabore uma estratégia para economizar o valor necessário, afirmando, por exemplo, que você vai guardar um valor determinado por semana, ou que vai deixar de gastar seu dinheiro em alguma superficialidade em específico.
  4. Estipule a frequência: esta é a última dica para criar uma afirmação bem completa. Seja claro ao dizer com que frequência ou em que horários você vai se dedicar a esse objetivo. Eu, por exemplo, afirmo que, durante duas horas por dia, vou me dedicar ao estudo de um idioma – e assim o faço.

Passo 3 – Visualização

O exercício de visualização é muito simples: você deve visualizar a si mesmo vivendo a sua meta – é quase como aquele “sonhar acordado” que tanto fizemos quando crianças. Visualize quem você precisa ser e o que precisa fazer para atingir os seus objetivos.

“Veja, sinta, ouça, toque, sinta o gosto e o cheiro de cada detalhe dessa projeção. Envolva todos os sentidos para aumentar a eficácia da visualização. Quanto mais vívida for a visão, maior será a motivação para tomar as atitudes necessárias e transformá-la em realidade. Agora, vá para o futuro e se veja conquistando seus objetivos e resultados ideais. Você pode olhar para o futuro imediato, o fim do dia, ou mais além (…)”

Além disso, você pode se visualizar praticando as ações necessárias à conquista que você almeja, assim, todo o processo ficará mais fácil de ser enfrentado. Imagine-se, por exemplo, estudando com facilidade e satisfação; exercitando-se com disposição; lendo com facilidade de interpretação…

“Quando você visualiza todos os dias, alinha seus pensamentos e sentimentos à sua visão. Isso mantém a motivação para continuar agindo. A visualização pode ser um apoio poderoso para superar hábitos limitantes como a procrastinação e tomar as atitudes necessárias para conquistar seus objetivos. Recomendo começar com apenas cinco minutos de visualização.”

Passo 4 – Leitura

Que a leitura traz inúmeros benefícios, tenho certeza de que você já sabe. Ainda assim, é uma atividade que é colocada em segundo (ou terceiro, ou quarto…) plano pela maioria das pessoas, e isso pode incluir você. E por quê? As respostas prováveis (e soluções respectivas), são:

Você não criou (ou não manteve) o hábito de ler diariamente.

Há anos testemunho minha mãe insistir para que meu irmão leia – o que ela nunca precisou fazer comigo, pois sempre fui apegada as livros. Meu irmão é um pouco mais tecnológico, e é apegado em outras coisas. Então, eis a solução encontrada pela minha mãe (e que pode servir para você): ela determinou que meu irmão lesse 5 páginas por dia de algum livro do interesse dele.

Cinco páginas é uma quantidade muito pequena, e pode ser lida em menos de 10 minutos. Se você não é acostumado a ler, comece assim. Em poucos dias, estará lendo 6 e, em alguns meses, 10, 15, 20. É como correr: você não consegue começar correndo uma maratona, mas a cada dia, estará correndo um pouco mais ou com mais facilidade que no dia anterior.

Você não lê os livros certos

Outro fator que impede que as pessoas se habituem à leitura é o que elas estão lendo. Muitas vezes, somos influenciados por opiniões alheias sobre o que devemos ou não devemos ler.

A verdade é que, ressalvadas as leituras obrigatórias da aula ou do trabalho, a leitura deve ser prazerosa, então cabe a você – e somente a você – decidir o que é bom ou não para se ler. Procure leituras que acrescentem valor àquilo que você deseja, que te influenciem positivamente.

“Quem não quer ler não tem vantagem alguma sobre quem não sabe ler.” — MARK TWAIN

Passo 5 – Escrita

Uma das práticas sugeridas por Elrod, é a escrita. Conforme o autor, escrever é uma forma eficiente para obter clareza, tendo em vista que esse processo mexe com nossa capacidade de formular respostas. Além disso, é uma ótima maneira de registrar nossas ideias e também possibilita que revisitemos cada registro para que, dessa forma, seja possível reconhecer nosso progresso e rever lições aprendidas.

Para desenvolver a escrita durante a rotina matinal, é sugerido que você mantenha um diário, mas você pode usufruir dessa atividade da maneira que preferir. Eu comecei tomando notas acerca dos livros que lia, por exemplo, quando lia algo muito instigante, abria meu caderno e anotava minha perspectiva sobre o trecho em questão.

Passo 6 – Exercícios físicos

Talvez você não goste de ler isso, mas o fato é que exercitar o corpo não só é benéfico para o corpo e para a mente, como é essencial. A importância da prática regular de exercícios ultrapassa (e muito) as questões estéticas, porque ela é responsável por processos físicos necessários ao melhor funcionamento metabólico, à capacidade mental e até mesmo ao equilíbrio emocional.

Para incluir essa atividade em sua rotina matinal, são necessários poucos minutos. Aqui vão algumas ideias: você pode fazer uma caminhada de 20 minutos; uma sessão de yoga de 10 minutos; um Q48 ou Hiit (que você pode encontrar no YouTube); uma corrida de 15 minutos… As possibilidades são realmente variadas. O que importa aqui é que você se movimente.

VAI UMA MOTIVAÇÃO EXTRA, AÍ?

Se você quer usufruir dos benefícios de uma rotina matinal saudável mas, assim como a maioria das pessoas, se sente inseguro ou desmotivado para efetivamente se habituar a essa rotina, te ofereço uma mãozinha.

Elaborei com muito amor (e com a indispensável ajuda do meu namorado) um esquema para te auxiliar a administrar esse novo hábito. Para adquirir, basta clicar aqui. O preço atribuído (R$ 1,00) é baratinho, assim ambos podemos nos ajudar – afinal, quero poder trazer muito mais conteúdo para o blog, e todo o apoio recebido é essencial.

O esquema funciona assim:

A primeira tabela contém um índice de todas as áreas de desenvolvimento sugeridas pelo livro “O Milagre da Manhã”, onde você poderá escolher, de acordo com as suas intenções, a atividade, a ordem e o tempo em que irá praticar e desenvolver cada uma dessas áreas. Veja o exemplo abaixo:

Exemplo rotina

A segunda tabela (disponível no link abaixo) é um calendário contendo 30 dias – tempo necessário e também suficiente para a sua adaptação à rotina escolhida. Para preenchê-la, basta marcar com um X o espaço referente referente ao dia e, se você quiser, pode descrever, no espaço restante do mesmo dia, uma conquista diária.

Bem simples, né? Basta clicar aqui para receber os seus templates!

Hal Elrod disse, muito sabiamente, que “tudo é difícil antes de ser fácil”. Para se tornar fácil, portanto, em algum ponto, é necessário começar – e persistir. Vamos começar?

“Nosso mundo exterior sempre será um reflexo do nosso mundo interior. Nosso nível de sucesso sempre será um paralelo com nosso desenvolvimento pessoal. Até que dediquemos tempo diariamente para nos desenvolvermos nas pessoas que precisamos ser para criar a vida que desejamos, obter sucesso sempre será uma luta.”

1 Comment

  1. Pingback: O milagre da manhã: guia de desenvolvimento pessoal completo — Terra – Coach no propósito.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.